Josemaría Escrivá Obras
738

Nunca compartilharei a opinião - ainda que a respeite - dos que separam a oração da vida activa, como se fossem incompatíveis.

Os filhos de Deus têm de ser contemplativos: pessoas que, no meio do fragor da multidão, sabem encontrar o silêncio da alma em colóquio permanente com Nosso Senhor: e olhá-lo como se olha um Pai, como se olha um Amigo, a quem se quer com loucura.

Anterior Ver capítulo Seguinte