Josemaría Escrivá Obras
449

Diz devagar ao Mestre: - Senhor, só quero servir-te! Só quero cumprir os meus deveres e amar-te com alma apaixonada! Faz-me sentir o teu passo firme ao meu lado. Sê Tu o meu único apoio.

Di-lo devagar... e di-lo de verdade!

Anterior Ver capítulo Seguinte