Josemaría Escrivá Obras
254

Jesus não nega a ninguém a sua palavra, e é uma palavra que sara, que consola, que ilumina.

- Recordemo-lo sempre, tu e eu, também quando nos encontrarmos fatigados pelo peso do trabalho ou da contradição.

Anterior Ver capítulo Seguinte