Josemaría Escrivá Obras
892

Quando se choca com a amarga injustiça desta vida, como se alegra a alma recta ao pensar na Justiça eterna do seu Deus eterno!

E, conhecendo bem as suas próprias misérias, escapa-se-lhe, com desejos eficazes, aquela exclamação paulina: "Non vivo ego", não sou eu quem vive agora; é Cristo que vive em mim! E viverá eternamente!

Anterior Ver capítulo Seguinte