Josemaría Escrivá Obras
 
 
 
 
 
 
  Santo Rosário > Mistérios dolorosos. 3.- A coroação de espinhos > Ponto 8
8

Fica satisfeita a ânsia de sofrer do nosso Rei!

- Levam o meu Senhor para o pátio do pretório, e ali convocam toda a coorte (Mc XV, 16). - A soldadesca brutal desnudou a Sua carne puríssima. - Com um farrapo de púrpura, velho e sujo, cobrem Jesus.

- Na Sua mão direita , uma cana, por ceptro...

A coroa de espinhos, cravada às marteladas, faz d´Ele um Rei de comédia...

Ave Rex judaeorum! - Ave, Rei dos judeus (Mc XV, 18)! E, à força de pancadas, ferem-Lhe a cabeça. E esbofeteiam-n´O... e cospem-Lhe em cima.

Coroado de espinhos e vestido com andrajos de púrpura, Jesus é mostrado ao povo judeu: Ecce homo! - Aí tendes o homem! E, de novo, os pontífices e os seus ministros rompem aos gritos, clamando: Crucifica-O, crucifica-O! (Jo XIX, 5 e 6).

- Tu e eu não teremos voltado a coroá-Lo de espinhos, a esbofeteá-Lo, a cuspir-Lhe?

Nunca mais, Jesus, nunca mais... E um propósito firme e concreto põe fim a estas dez Ave Marias.

[Imprimir]
 
[Enviar]
 
[Palm]
 
[Gravar]
 
Traduzir ponto para:
Anterior Seguinte