Josemaría Escrivá Obras
176

Escreves, e copio: "'Domine, tu scis quia amo te!'. Senhor, tu sabes que te amo! Quantas vezes, Jesus, repito e torno a repetir, como uma ladainha agridoce, essas palavras do teu Cefas: porque sei que te amo, mas estou tão pouco seguro de mim, que não me atrevo a dizer-to claramente. Há tantas negações na minha vida perversa! 'Tu scis, Domine!'. Tu sabes que te amo! Que as minhas obras, Jesus, nunca desdigam destes impulsos do meu coração".

Insiste nesta tua oração, que Ele certamente ouvirá.

Anterior Ver capítulo Seguinte